Fandom

Protopia Wiki

Os Reis Pobres do Mar

1 764 pages em
Este wiki
Adicione uma página
Discussão0 Compartilhar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Dias de Guerra, Noites de Amor
CrimethInc
(Original em Inglês)

Durante as primeiras décadas do século XVII, a cidade portuária de Salè na costa do Marrocos tornou-se um paraíso de piratas de todo o mundo, eventualmente desenvolvendo-se em um livre estado proto-anarquista que atraía pobres e exilados europeus, que entre outros vinham em vagalhões para começar nova vida de pirataria predando os navios mercantes dos seus países de origem. Entre esses Renegados Europeus estava o Poderoso Capitão Belammy; sua área de caça era o Estreito de Gibraltar, local em que todos os navios mercantes legais mudavam o curso pela simples menção do seu nome, freqüentemente em vão. Um capitão capturado de um barco mercante foi posto em seu lugar com esse discurso de Bellamy depois de recusar um convite para que se juntasse aos piratas:

And the Lord Sayeth, .jpg
«Peço desculpas por eles não poderem deixar que tenhas a tua chalupa de novo, pois detesto causar prejuízo a quem quer que seja, quando não é para minha vantagem; dane-se a chalupa, nós iremos afundá-la, e ela poderia ter sido por ti utilizada. Penso que és um cachorro presunçoso, da mesma espécie destes que se submetem a ser governados por leis que homens ricos têm criado para a própria segurança; porque covardemente, os cachorrinhos não têm coragem para defender o que estes homens conseguiram de forma desonesta; mas danem-se todos juntos: danem-se eles, por serem um punhado de patifes, e vocês que os servem, por serem um bando idiotas covardes. Eles desonram-nos, esses vermes, quando há apenas essa diferença, a verdade é que eles roubam os pobres acobertados pela lei, e nós pilhamos os ricos sob a proteção da nossa coragem. Não farias melhor tornando-se um de nós, mais do que rastejares em busca de emprego atrás desses vilões?»

Quando o capitão replicou que sua consciência não o deixaria quebrar as leis de Deus e do homem, o pirata Bellamy continuou:

«És um patife com consciência maldosa, já eu sou um príncipe livre, e tenho mais autoridade para fazer guerra em todo o mundo do que eles que possuem uma centena de veleiros no mar e uma armada de 100 mil homens para batalhas, isto é minha consciência quem me diz; mas não há argumentos com tais cachorrinhos chorões, que permitem que seus superiores lhes joguem ao mar com prazer.»


Crimethinc.png   Este texto foi originalmente publicado por CrimethInc.


Textos

A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z

Mais da comunidade Wikia

Wiki aleatória