Fandom

Protopia Wiki

Caospitalismo

1 764 pages em
Este wiki
Adicione uma página
Discussão0 Share

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Anarquistas dos últimos diasEditar

Eis diante de vós a classe dos banqueiros e empresários, agora despida de seus vestidos de festa e de seus ternos, de seus carros blindados, aviões e esquemas de seguranças. Arrancados seus símbolos de distinção, deixam mostrar toda sua mesquinhez e deformidades.

Coloquemos na balança o preço de toda sua riqueza e bonança, o ônus que pagamos em miséria e tempestades. Aqui estão eles, os devoradores incontáveis gerações, semeadores de servidão voluntária, vomitaram sobre o mundo, externalidades, desmembraram-no em campos e cidades.

Pesemos com cuidado todas as consequências, mares de sangue inocentes, chacinas, omissões e mentiras. Métodos pelos quais a burguesia produtificou nossas vidas, nosso tempo e nosso espaço. Olhem para eles, constrangidos se escondendo uns atrás dos outros. Impiedosos de outra ora agora nos imploram por piedade. Mas lembrem-se uma vez mais de suas cadeias, recordem-se seus apartheids, suas colônias, seus arranha-céus, suas guerras pela paz e seus Estados Nacionais.

Nestes dias finais da luta de classes, derrubamos os muros de sua última fortaleza e os trouxemos para este campo algemados em seus próprios grilhões de escravocratas. Atrás de nós, liberdade até onde a vista alcança, comunas livres e territórios libertados.

Devemos ao mundo esta grande ação direta, legítima e justa.

Alguns gritão "Matem-nos, não valem o ar que respiram!", enquanto outros falarão "Soltem-nos! Ou seremos tão abomináveis como eles".

Digo-lhes para deixarmos clara sua marca indelével de caos bem remunerado. Tatuaremos em seus rostos um verde Cifrão! Para que se envergonhem pelo resto de suas vidas pelas abominações que cometeram! Seu símbolo de maior valor, divindade monetária convertida em sua maior vergonha!

Peço-lhes que deixem que se espraiem livres pelo mundo uma minoria amaldiçoada a servir eternamente de lembrança de um mundo que desapareceu, até que eles mesmo desapareçam na Aurora que está por vir.

Eis aqui o fim do capitalismo! Essa noite e todas as que se seguirem celebraremos a liberdade!

Mais da comunidade Wikia

Wiki aleatória