Fandom

Protopia Wiki

Arremessando Tortas

1 764 pages em
Este wiki
Adicione uma página
Discussão0 Share

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Receitas Para o Desastre
CrimethInc


Ingredientes


  • Alvo merecedor
  • Doido, arremessador de torta
  • Torta — veja abaixo a receitas e as opções de embalagem, e o que levar em conta para escolher uma


Ingredientes Opcionais


  • Distrações
  • Escoltas
  • Testemunhas
  • Motorista de fuga
  • Fotógrafos


Instruções


Atirar tortas, bem como destruição de propriedade, desmistifica e mina as estruturas de poder de nossa cidade ao mostrar que ícones e ídolos não são inatacáveis nem acima do ridículo. É como queimar o boneco de alguém, só que melhor, porque revela como, nessa sociedade confusa pela mídia, os figurões públicos não são nada mais que bonecos deles mesmos, prontos para serem assados.


Começando Pelo Princípio...


Escolha um alvo que valha a pena. Pode ser um especialista, presidente de uma corporação ou governante — confeito-terroristas já atacaram todos eles com grande efeito — ou um trouxa menos óbvio que mesmo assim representa as forças sociais, saturado de uma seriedade que tem que terminar. Atingir um repórter televisivo durante uma transmissão ao vivo, por exemplo, pode passar uma mensagem importante.


A outra questão é quando e onde. Atacar quando o seu alvo estiver no palco garante o maior impacto e visibilidade; por outro lado, isso também envolve um risco maior de ser pego, então se você não está ansioso para ir a tribunal ou talvez a prisão, você pode tentar atacar em algum ponto entre o carro com chofer e a entrada com tapete vermelho e então correr pela sua liberdade. Fique de olho por oportunidades perfeitas; não force as coisas, elas se apresentarão mais cedo ou mais tarde. Enquanto você avalia os riscos, a audiência e o potencial de humilhação, pese também os precedentes legais locais, o clima político e a competência do seu advogado. Não espere por justiça, mas não deixe o estado de polícia lhe parar.


Vista-se de Acordo


Não é preciso um economista nem um especialista em espionagem para se dar conta de que se você tentar entrar em uma reunião dos pretensiosos e grandiloqüentes com pregos no seu nariz e manchas de torta na sua camiseta, eles podem não lhe deixar entrar. Barbeie-se, coloque um terno, deixe seu cabelo curto — você conseguirá ir a todo lugar! Mais importante que os acessórios, entretanto, é a vibração que você emite: você deve irradiar auto-confiança, conforto e um sentido de propósito, como se você não apenas pertencesse àquele lugar mas tivesse um importante papel organizacional. Pode ser surpreendemente fácil entrar em eventos de alta segurança: algumas semanas atrás, meus amigos estudantes entraram de graça em uma cerimônia de caridade na qual o vice-presidente iria discursar, simplesmente ao se apresentarem na porta como o grupo local dos Jovens Republicanos. Eles teriam conseguido ficar lá durante todo o evento, se os próprios Jovens Republicanos não tivessem aparecido! Para mais sobre assunto, veja Infiltração.


E quanto à torta, leve-a numa bolsa de bola de boliche, ou deixe-a em uma embalagem com tampa plástica e carregue-a dentro de uma maleta discreta ou dentro de uma bolsa/mochila escondida sob o seu casaco. O tipo de torta é que ira ditar os detalhes da ocultação e entrega, enquanto que o ambiente ira ditar a sua tática; em uma coletiva de imprensa, pode ser uma boa escondê-la dentro de uma bolsa a tira-colo ou dentro de um grande caderno, enquanto que na rua você pode levá-la numa caixa de pizza, da mesma forma que você levaria um Estêncil ou Mosaicos no Asfalto em outra ocasião.


O Merengue é a Mensagem


Os experientes tortassassinos da Biotic Baking Brigade usam chantily em pratos de papel sempre que possível: chantily faz uma bagunça dramática, e os pratos de papel são projéteis inofensivos. Por outro lado, se o seu alvo estiver rodeado de seguranças, você provavelmente não estará seguro ao parar para encher um prato com chantily no último instante; nesta situação, algo com suficiente coerência interna para poder ficar de lado até o momento da verdade, como uma torta de tofu cremoso, servirá melhor. As antiquadas tortas de maçã ou de cereja têm um certo valor de nostalgia que às vezes pode compensar o seu difícil manuseio.


Tente não fazer nada que possa ferir o seu alvo — o seu objetivo é humilhar, não hospitalizar, senão você usaria um pé-de-cabra. Se o seu alvo estiver usando óculos, a menos que você esteja realmente utilizando chantily num prato de papel ou algo igualmente fofo, tente atingi-lo de lado, evitando a região dos olhos. E quanto aos ingredientes, ficar longe de produtos de origem animal não apenas é bom para o meio-ambiente, mas também evita o trabalho de ter que pesquisar para descobrir se o seu alvo é intolerante à lactose. Alguns recheios de torta podem parecer sangue na cara do destinatário, então fique longe deles ao menos que seja essa a imagem que você quer que o mundo veja.


Lance


Você deve lançar o seu míssil ou esmagá-lo diretamente na cara da vítima? Na primeira opção você não tem tanta certeza de obter sucesso, mas é mais seguro para o alvo, e mais lindo de se olhar quando funciona; a segunda é mais difícil de realizar quando há segurança, especialmente se você tem esperanças de escapar. Se você realmente tiver que arremessar a torta, certifique-se de praticar muito com antecedência.


Se houverem guardas armados, tente deixar claro no último instante que a sua arma é uma torta e nada mais: segure-a alto e mova-se com estabilidade e confiança — nada de saltos desesperados! Você quer manter o elemento surpresa apenas para atingir o seu alvo, sem ser crivado de balas como resultado. Não custa nada ter um dito espirituoso preparado, como: "É um bom dia para uma torta", etc.


Quantos atacantes são suficientes? Tendo vários de prontidão pode aumentar as probabilidades de se obter sucesso, mas pode ser mais fácil passar desapercebido se apenas uma ou duas pessoas estiverem bisbilhotando onde não deviam. Se uma distração tirar a atenção de todos de uma direção, o solitário atirador de torta pode se aproximar pelo outro lado. Novamente, é o terreno que vai determinar o que irá funcionar; se você tiver que cobrir uma grande área e não sabe onde seu alvo aparecerá, uma dúzia de grupos de três pessoas poderá se distribuir para se certificar de que alguém obterá sucesso.


Tortas no Horário Nobre


Uma foto engraçada e dramática com uma carta inteligente para a imprensa (veja Grande Imprensa) irá ter grande impacto, que a sua intenção seja conseguir cobertura da imprensa corporativa ou apenas inspirar os seus colegas revolucionários através de relatórios independentes. Para tal, ter os seus próprios fotógrafos a mão pode ser uma boa idéia — se você obtiver sucesso em agir com o elemento surpresa, eles provavelmente serão os únicos prontos para tirar as fotos no momento certo, a menos que você tenha interrompido uma sessão de fotos para fazer o arremesso. Uma boa imagem de uma tortada de sucesso pode conseguir entrar em uma publicação comercial que de outra forma nunca publicaria nada que comprometesse a dignidade dos dignatários. Se você está decidida a fazer isto acontecer, divulgue a sua imagem e a carta no instante em que o evento acontecer, e tenha alguém para fazer contato com a imprensa pronto para responder perguntas imediatamente sobre porque alguém iria querer sar uma tortada no seu alvo escolhido. Mesmo que você esteja tentando conseguir a atenção da imprensa, não confie nesses mercenários cuspidores de fraudes — assegure-se de que você está colocando a quantidade certa de energia no apoio de redes de mídia independentes que estão prontas para contar a verdade por si mesma.


Relato
Uma Torta Nunca Arremessada


O presidente dos Estados Unidos estava concorrendo à reeleição, e apareceu em uma cidade no nosso território para um almoço para levantar fundos. Muitos dos empresários mais ricos e conservadores do estado vieram pagar milhares de dólares por um prato para ouvi-lo falar, um número muito maior de manifestantes furiosos apareceu para vaiá-lo, e a cidade mandou inúmeros policiais para ajudar o Serviço Secreto a proteger o candidato. O palco estava pronto para que algo acontecesse — mas o que?


O tom do comício pré-protesto foi ditado pelo partido de "oposição", que era tão repugnante quanto o próprio candidato. Nenhum de nós chegou lá com antecedência para preparar o terreno, e embora houvessem alguns radicais presentes, também não havia nenhuma estrutura organizada para ação militante. As coisas só ficaram um pouco interessantes quando todos convergiram em torno do centro de convenções no final do almoço; finalmente, havia algum barulho e animação. Porém, a polícia nos mantinha alinhados atrás de uma cerca de metal em um dos lados do prédio, e era um desses momentos desmoralizantes onde nos sentimos impotentes e tudo que podemos esperar pe mostrar o seu descontamento para uma equipe de TV.


Eu corri ao redor para dar uma olhada na área, e descobri qual seria a rota que o comboio do presidente usaria para ir embora. A polícia tinha bloqueado todo acesso a ela exceto por um beco que podia ser alcançado passando-se pelo garagem de um hotel. Eu voltei para o grupo, e avisei os percussionistas sobre isso; eles foram até lá, para ver o comboio partir. Eu ia me juntar a eles, quando eu espiei um pequeno grupo de homens em ternos caros. Eles estavam caminhando pela rua na direção oposta, além dos manifestantes e longe das linhas policiais, não chamando a atenção de ninguém. Em grupos de dois ou três atrás deles, mais pessoas estavam deixando o prédio e saindo da área, supostamente de volta a seus carros. Estes eram homens que haviam pago para assistir o levantador de fundos. Eu decidi deixar os percussionistas cuidarem do comboio e investigar.


Eu me aproximei da próxima dupla de empresários, olhei direto em seus olhos, e levantei meus dedos em suas caras como gesto de insulto. Isso pouco fez para avançar a luta pela libertação social, embora tenha chamado a atenção do ministro muçulmano que tinha sido o único orador vagamente radical no comício pré-protesto que me apontou para seus amigos e me deu seu cartão. Eu abordei de uma forma diferente o próximo capitalista que apareceu — eu caminhei a seu lado e comecei a interrogá-lo sobre o seu papel social e objetivos políticos. Com prática, como todos da sua laia têm que ser em dar respostas evasivas e prevaricar, ele era quase tão bom quanto eu no departamento da retórica, e eu ainda não tinha terminado de convertê-lo ao anarquismo quando ele chegou ao seu carro.


Nesse momento, nós estávamos bem longe do protesto e da polícia — olhando as ruas vazias ao redor, eu vi apenas algumas pessoas, todas elas eram outros porcos burgueses deixando o almoço! Jesus, eu me dei conta, era aqui que tinha que ter sido a ação, se nós estivéssemos preparados. Foda-se o figurão, com seus milhões de dólares em segurança — ele só tem poder porque essas pessoas pagam tanto para vir aos seus almoços, e aqui eles estão totalmente desprotegidos! Se nós tivéssemos vindo em pequenos grupos com câmeras e tortas, nós poderíamos ter fornecido um motivo para que esses caras não aparecessem nesses eventos no futuro. Eu acho que há sempre a próxima vez — e sim, gurizada, sempre que houver um perigoso politico arrecadador de fundos na sua área, por favor tentem isso em casa!

Mais da comunidade Wikia

Wiki aleatória